Notícias

Reabilitalição edificios low cost - Construção sustentável

2019-10-29

reabilitacao edificios

Reabilitação low cost



É possível construir e reabilitar a baixo custo reaproveitando materiais e utilizando recursos
sustentáveis e reciclados. Portugal dispõe de ecoprodutos nacionais com certificados
internacionais.

Conjugar a sustentabilidade ambiental à construção e reabilitação de edifícios é possível de
ser feita numa versão low cost. No entanto é importante desmistificar a conotação pejorativa
de low cost que não é ser rápido e de má qualidade. Ser low cost é ter preocupações
sustentáveis aliando esse princípio a conceitos inovadores na aplicação destes materiais.

Assim, na nossa opinião o conceito low cost deve ser entendido como “um projeto que
sintetiza as condições de mercado, respeita o ambiente, reutiliza recursos, incorpora a mais
recente tecnologia e resulta numa obra que se espera contribuir para a valorização do meio,
sem o agredir e concebido para durar”.

Na nossa opinião esta optimização é conseguida através da rentabilização máxima de todos os
investimentos no processo de construir. Neste sentido, a construção de edifícios deverá seguir
os princípios da arquitetura sustentável tirando o máximo partido dos recursos naturais e dos
recursos existentes para garantir, com a mínima intervenção na paisagem, o máximo de
conforto e uma maior durabilidade dos edifícios.

A construção e reabilitação, a baixo custo, implicam que o projeto tenha em conta o levantamento
das características e a história da região e, ao mesmo tempo, levem à criação de um novo
programa em que as estruturas metálicas substituam o betão armado, e se aposte na melhoria da
ventilação e da iluminação natural das casas. Em relação a materiais, a eficiência passa pela
instalação de lâmpadas de baixo consumo, materiais naturais de isolamento, caixilharias eficientes
e redutores de caudal. Muito importante também é a necessidade de criação de um manual de
utilização dos aparelhos e da sua manutenção.



A MJARC Arquitectos apesar de estar presente nos grandes centros Porto e Lisboa, apresenta sempre
esta prespectiva a todos os seus projetos de arquitetura. 

Conheça também as vantagens de um certificado energético nos edificios.